Skip to content

Mercado Educacional: comunicação mercadológica ou institucional

02/09/2009

Alguns mercados têm características peculiares, fatores próprios que podem aumentar ainda mais a tensão sobre a equipe de comunicação e marketing. Assim é o mercado educacional que tem no vestibular o grande ápice da sua comunicação mercadológica.

O desafio enfrentado pelos profissionais que atuam nesta área reside no fato de que a complexidade aumenta quando levamos em consideração que o vestibular acontece semestralmente, ou seja, a captação de novos alunos tem dia e hora para acabar, não dando chances, na maioria das vezes, que possíveis erros da campanha possam passar por estratégias corretivas.

A maioria das instituições inicia suas inscrições um mês antes da prova, mas muita das vezes a campanha só vai para a rua na metade do prazo, dificultando a formação de conceitos e conseqüente impacto no número de inscrições. O perigo é que as instituições optam por se comunicar com a sociedade sazonalmente, somente na época do vestibular.

Sabemos que a escolha de uma instituição por parte de um determinado aluno vem de fatores clássicos, como localização, infra-estrutura, valor da mensalidade, imagem percebida, atividades extracurriculares, inserção no mercado de trabalho, etc. E também de fatores psicológicos complexos, como os valores globais da instituição que se apresentam dentro de uma perspectiva de vida e de futuro para o aluno, relacionamentos sociais, status, etc. Daí levarmos em consideração de que o processo de decisão sobre a instituição que se pretende estudar parte muito antes deste contato com a comunicação mercadológica.

Vestibular: fatores clássicos e psicológicos dão complexidade a comunicação

Vestibular: fatores clássicos e psicológicos dão complexidade a comunicação

Surge então a importância da comunicação institucional, realizada das mais diferentes formas, seja no patrocínio de eventos de alto impacto entre os jovens, na comunicação de massa destacando aspectos positivos de sua atuação na sociedade, no relacionamento aberto com a sociedade, gerando parcerias de valor e garantindo uma ampla divulgação espontânea. Enfim, é possível trilhar caminhos que permitam a instituição estar em constante destaque, principalmente nas áreas de ensino em que atua, possibilitando indicações e referências que a comunicação mercadológica não consegue proporcionar.

A resposta para a pergunta do título deste post então é lógica, o investimento tem que ser feito contemplando as duas frentes, iniciando uma campanha institucional antes do período do vestibular e na sequência alinhar a campanha mercadológica, garantindo presença e a lembrança na cabeça dos potenciais prospects.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: